quinta-feira, 31 de maio de 2012

Lula: 'Não permitirei que um tucano volte a presidir o Brasil'

O ex-presidente Lula foi entrevistado pelo apresentador Ratinho em seu programa no SBT

Foto: AE O ex-presidente Lula e o apresentador Ratinho durante entrevista no SBT
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva admitiu nesta quinta-feira pela primeira vez que pode voltar a se candidatar à presidência. Lula disse no Programa do Ratinho, do SBT, que entra na disputa caso a presidenta Dilma Rousseff desista da reeleição com o objetivo de evitar a volta do PSDB ao governo.
“A única hipótese de eu voltar a me candidatar é se ela não quiser. Não vou permitir que um tucano volte a presidir o Brasil”, disse Lula. O programa ficou em segundo lugar na audiência com 8 pontos. Cada ponto equivale a 60 mil residências na grande São Paulo.

A primeira entrevista de Lula depois de diagnosticado o câncer na laringe em outubro do ano passado também serviu de palanque para o candidato do PT à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad. O ex-ministro da Educação, empacado em 3% nas pesquisas de opinião, foi mostrado duas vezes, identificado como candidato de Lula, convidado a sentar à mesa de entrevista e alvo de fartos elogios.
A produção do programa chegou a preparar um vídeo sobre o Pro-Uni com direito a personagens e cenas melodramáticas.
Haddad aproveitou o palanque para enumerar suas realizações no MEC e criticar a política de saúde da prefeitura. Lula também não poupou elogios ao pupilo. “O Haddad vai entrar para a história do Brasil como o ministro que criou o Pro-Uni”, disse o ex-presidente.
A pedido de Ratinho, Lula justificou o fato de ter escolhido um nome novo para concorrer. “O prefeito de São Paulo quando começa a nascer qualquer que seja já nasce um pouco velho”, afirmou.

Além de Haddad, Lula chegou ao SBT acompanhado do prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, do deputado Ratinho Jr. (PSC-PR), do vereador José Américo e assessores.
Desde o início do programa Ratinho avisou que não faria perguntas incômodas ao ex-presidente. “Ele não é mais presidente da República e não tem que ser cobrado por nada. Vamos falar da saúde, da recuperação, de política e desse timeco do Corinthians”, avisou. Pouco depois, ao pedir que os telespectadores enviassem perguntas pela internet, Ratinho foi ainda mais explícito.

“Aí começa todo mundo a mandar email com perguntinha besta mas eu não entro nessa. Vou conversar com o meu amigo Lula”, disse o apresentador. “Se for pergunta boa eu faço. Pergunta ruim não faço”, completou.
Quando faltava um minuto para o final do programa Ratinho citou o episódio com o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes. “Eu nem ia perguntar sobre essa história do Gilmar Mendes porque o povão não entende muito”, disse o apresentador.
"Não tenho interesse em falar nisso. Quem inventou que prove a história. Quem acreditou nela que continue provando. O tempo se encarrega de arrumar as coisas", afirmou Lula
Ao longo de 44 minutos o ex-presidente foi alvo de elogios e teve o microfone à disposição para, com a voz fraca, atacar os adversários. Ao justificar as falhas no sistema de saúde pública, Lula acusou a oposição de acabar com a CPMF por vingança.

“Eles (adversários) não perceberam que não me prejudicaram mas prejudicaram o povo pobre. Por vingança me tiraram a CPMF que era imposto de rico”, afirmou.
Além de fazer política, Lula falou da vida fora da presidência e do tratamento contra o câncer na laringe. “Quando cheguei em São Bernardo o general (Gonçalves Dias, chefe da segurança) disse que depois de três dias vinham buscar os carros e os telefones. Lá pelas tantas meu filho disse que ia pedir um carro para ir embora e não tinha mais carro, o telefone não funcionava mais”, disse. “No dia seguinte estávamos eu e a Marisa sentados olhando um para a cara do outro sem saber o que fazer”, completou.

Sobre o câncer Lula falou das dificuldades do tratamento, da dor e de sua nova rotina. Apesar do assunto delicado, Lula mostrou bom humor ao comentar o terno que estava usando. “Eu brinquei com o Ratinho que este terno aqui comprei quando estava internado no hospital me preparando para por no caixão. Porque com terno velho eu não iria”, disse. (iG)
 

Operações da PM para substituir Exército na Penha deixam três mortos

 Ações começaram na segunda-feira mas só hoje tropas militares começaram a ser substituídas. Trinta e nove suspeitos foram presos

Em nota divulgada na noite desta quinta-feira (31), a Polícia Militar do Rio de Janeiro informou que três suspeitos foram mortos durante operações realizadas no Complexo da Penha, na zona norte, desde a última segunda-feira (28). Hoje, os PMs começaram a substituir as tropas do Exército nas comunidades do Chatuba, Fé e Sereno.

De acordo com a corporação, 39 suspeitos foram presos e 16 menores de idade apreendidos. Foram recolhidos seis revólveres, seis pistolas, uma espingarda, 126 munições calibre ponto 30, 250 de calibre 762 e 15 do tipo 45, cinco carregadores para fuzil, uma granada, réplica de pistola e outra de fuzil.
Em relação à drogas, os PMs informaram ter apreendido 265 papelotes de cocaína, 8.152 sacolés e 1.663 cápsulas do mesmo entorpecente. 18.645 trouxinhas de maconha, 7.828 pedras de crack, 245 frascos de cheirinho da loló e 12 comprimidos de ecstasy.
Os PMs também retiraram barricadas construídas pelo tráfico: 12 tonéis de concreto, nove quebra-molas, cinco pneus de caminhão e outros quatro de carro com concreto, 16 toneladas de entulho, 400 kg de concreto, oito trilhos de trem e 100 kg de tronco de árvores. Os policiais descobriram ainda um bunker (esconderijo subterrâneo) construído pelos bandidos.
A subsitutição de militares do Exército por PMs tem como objetivo a preparação para a chegada das Unidades de Polícia Pacificadoras (UPPs) nas três localidades. (iG)

Ladrão leva “vibrador de ouro”

Artigo está avaliado em R$ 8 mil; assaltante não roubou nenhum outro artigo do sex shop de luxo

Brasília – A loja Erótica Luxo, na 303 Sul, sofreu um assalto inusitado na noite de quarta-feira 30. O assaltante levou um vibrador de dez centímetros e banhado a outro 18 quilates. O nea, nome do brinquedinho, é avaliado em R$ 8 mil. Nenhum outro artigo do sex shop foi roubado.
A funcionária da loja foi abordada por um homem bem vestido que estava armado. Ele pediu apenas o Nea, e depois trancou a jovem, com pés e mãos amarradas além de fica adesiva na boca, no banheiro do local.
"Ele [o ladrão] está com um elefante branco na mão. Ele não pode dissolver a peça porque ela é feita de aço inoxidável por dentro. Também não levou o carregador para poder usá-lo. Não sei mesmo o que ele vai fazer. Vou deixar por conta da imaginação dele", conta uma das sócias da sex shop, Vanessa Baldini.
O caso está sendo investigado pela 1ª Delegacia de Pollícia do Distrito Federal, que, para não atrapalhar os trabalhos, não quer dar detalhes.
Com informações do Correio Braziliense e portal G1.

Ministro faz apelo para que público-alvo se vacine até amanhã contra a gripe

Agência Brasil
Brasília - O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, pediu hoje (31) que os grupos considerados prioritários na vacinação contra a gripe procurem os postos de saúde até amanhã (1º), quando acaba a campanha nacional de imunização contra a doença.
A meta do governo é proteger 24,1 milhões de pessoas com mais de 60 anos, crianças entre 6 meses e 2 anos, gestantes, trabalhadores de saúde e indígenas, totalizando 80% do público-alvo.
“Podemos discutir caso a caso, alguns estados específicos que possam não ter atingido a meta, mas o fundamental é que as pessoas se vacinem até o dia 1º de junho porque, quando se toma a vacina, demora de dez a 15 dias para se estar totalmente protegido contra a gripe. Portanto, se vacinar nesta data permite que você esteja protegido no momento em que o inverno é mais rigoroso e em que a transmissão da gripe aumenta”, explicou.
Após participar de entrevista ao programa Bom Dia, Ministro, produzido pela EBC Serviços em parceria com a Secretaria de Comunicação da Presidência da República, Padilha lembrou que a decisão tomada pelo ministério em 2011 de ampliar os grupos prioritários ajudou a reduzir em 66% os óbitos e em 44% os casos graves de gripe no país. “É uma vacina que é segura, que protege as pessoas que mais precisam, que são os grupos prioritários, e que ajuda a cortar a cadeia de transmissão para o resto da população.”

Garoto de 16 anos encontra resposta para enigmas levantados por Isaac Newton há 350 anos

 
 
Descobertas do jovem devem contribuir para melhorar a precisão de cálculos utilizados na área balística.
O indiano Shouryya Ray, de apenas 16 anos, colocou fim ao mistério que o cientista Isaac Newton levantou ao criar um complexo enigma de cálculo, há 350 anos.
No enigma matemático, Newton elaborou duas teorias sobre a dinâmica das partículas. Em todo o mundo, estudiosos conseguiram se aproximar da resposta, mas sem propor um resultado exato ou completo. 
 
 Shouryya Ray
 
Ray, no entanto, foi capaz de calcular a trajetória exata de um projétil quando submetido à força da gravidade e também à resistência do ar. A segunda conquista de Shouryya Ray é referente a um problema matemático que já dura quase 200 anos e fala sobre colisão de corpos contra paredes.

"Quando os meus professores me disseram que estas questões não tinham solução, pensei: 'bem, não custa tentar.' Talvez esta ingenuidade de estudante tenha me ajudado", afirmou o rapaz ao site da Fox News
 
O indiano teve contato com o enigma em uma visita à Universidade Técnica de Dresden, na Alemanha, na qual os alunos receberam os dados brutos para avaliar a trajetória de uma bola.

As duas descobertas do jovem devem contribuir para melhorar a precisão de cálculos utilizados na área de balística, por exemplo. Ray ainda ganhou prêmios em dinheiro pelos trabalhos, mas não há informações sobre os valores.

Não é de agora que o indiano adolescente chama atenção por sua inteligência. Aos seis anos de idade, ele já era capaz de solucionar equações com um alto grau de dificuldade. Mesmo assim, o jovem afirma que não se considera um gênio.

Desigualdade social começou no período neolítico, sugere estudo


Homens que viviam em terras férteis eram enterrados com ferramentas. Os que viviam em regiões menos ricas eram enterrados sem o apetrecho.

A desigualdade social começou há mais de 7 mil anos, ou seja, no período neolítico, segundo uma pesquisa realizada por arqueólogos britânicos publicada nesta semana na revista científica “PNAS”, da Academia Americana de Ciências.
A evidência partiu de análises de 300 esqueletos humanos encontrados em sítios arqueológicos na Europa Central. Parte deles estava enterrada com ferramentas agrícolas da época e outra parte não.
 
Essa diferença, de acordo com os cientistas das universidades de Bristol, Cardiff e Oxford, evidencia uma diferença social. Isto é, os que foram enterrados com as ferramentas viviam nas melhores terras, segundo os cientistas.
 
Para chegar a essa conclusão, a equipe liderada por Alex Bentley, professor de arqueologia e antropologia da Universidade de Bristol, fez análises químicas que conseguiram identificar o lugar de origem dos corpos.
 
“Os homens com as ferramentas aparentaram ter vivido em áreas de cultivo férteis e produtivas, o que indica que eles tinham acesso a essas áreas”, disse Bentley.
A análise também relevou que as mulheres, em sua maioria, não estavam enterradas em seu local de origem, o que sugere que se mudavam de acordo com a vivência com um homem.
 
A evidência mostra uma forte indicação de que essa sociedade já era patriarcal, ou seja, de que as mulheres seguiam os homens ao se casarem.
 “Isso significa que no período neolítico foi introduzida a propriedade hereditária na Europa e a desigualdade social", disse o professor.
 
Fonte: G1

Ariano Suassuna representa Brasil no Nobel

ospaparazzi

Escritor Ariano Suassuna é o Brasil no Prêmio Nobel de Literatura 2012, que será realizado em outubro, com 5 finalistas
 
 
O escritor Ariano Suassuna vai representar o Brasil no Prêmio Nobel de Literatura 2012 após anúncio divulgado nesta quarta-feira, 30. Ariano Suassuna está com 84 anos de idade e busca uma conquista inédita para a literatura nacional, o Prêmio Nobel de Literatura. O Brasil nunca levou o prêmio máximo do Nobel de Literatura. Entre os escritores brasileiros já indicados, destaques para Jorge Amado, Guimarães Rosa, Jorge de Lima, Ferreira Gullar e João Ubaldo Ribeiro. Ariano Vilar Suassuna é o nome do Brasil no evento em 2012.
Ariano Suassuna é o Brasil no Prêmio Nobel de Literatura 2012
Na obra de Ariano Suassuna, destaques para "O Auto da Compadecida", "A Pedra do Reino" e "O homem da Vaca e o Poder da Fortuna". O escritor paraibano nasceu em João Pessoa no dia 16 de junho de 1927. O senador Cássio Cunha Lima falou sobre a escolha de Ariano Suassuna para representar o Brasil no Prêmio Nobel de Literatura de 2012. "A vida e a obra de Ariano Suassuna contêm expressão filosófica que transpõe as limitações temporais e de gerações, atingindo todos os públicos e transportando-se pelos mais diversos e modernos meios de comunicação".

Você sabia que o Nobel é o mais importante prêmio de literatura do mundo. O Prêmio Nobel é o Oscar dos Livros. O primeiro Nobel da Literatura foi realizado em 1901. A cada ano, os vencedores são premiados pela Academia Sueca. Quem vence, leva o prêmio de 10 milhões de coroas suecas, cerca de 3 milhões de reais. O único escritor de língua portuguesa a levar o Prêmio Nobel de Literatura foi José Saramago, que é português. Os últimos vencedores do Prêmio Nobel de Literatura foram Tomas Tranströmer, da Suécia; Mario Vargas Llosa, do Peru; Herta Müller, da Alemanha; Jean-Marie Gustave Le Clézio, da França; e Doris Lessing, da Inglaterra. Quem leva em 2012?
Nas redes sociais, fãs fazem torcida desde já para o representante brasileiro. "Poxa, nunca um escritor brasileiro levou o Prêmio Nobel de Literatura. Quem sabe com Ariano Suassuna, o criador de O Auto da Compadecida? Tomara que ele ganhe esse prêmio", comentou Francisco Moreira, via Facebook. "Ariano Suassuna é o Brasil no Nobel da Literatura 2012! Toda sorte pra ele", escreveu Eliza Montenegro.

POLÍCIA DIVULGA RETRATO FALADO DO ASSASSINO DO JORNALITA DÉCIO SÁ


A Secretaria de Segurança Pública divulgou nesta quinta-feira (31), 38 dias após o crime, o retrato falado do executor do jornalista Décio Sá, executado com cinco tiros em um bar, no dia 23 de abril, na Avenida Litorânea.

Retrato falado foi divulgado nesta quinta-feira (31)

 

Aluísio Mendes disse ao G1 que o retrato falado já estava pronto há bastante tempo, mas haviam algumas providências que teriam que ser tomadas antes da divulgação. "Cada crime tem uma dinâmica específica. A polícia já tem esse retrato falado há algum tempo. Nós queríamos garantir a confecção de um retrato mais próximo da realidade. As testemunhas foram ouvidas várias vezes, para que não houvesse divergências", explicou.
Entenda o caso
O jornalista Décio Sá foi morto a tiros por volta de 22h40, do dia 23 de abril, em um bar da Avenida Litorânea. Um homem entrou no bar, e efetuou cinco disparos contra Décio, que morreu no local. O suspeito fugiu com a ajuda de um motociclista, que o esperava do outro lado da avenida.
Qualquer informação que leve ao paradeiro exato do homem que matou o jornalista Décio Sá terá como recompensa do Disque-Denúncia a quantia de R$ 100 mil.
As informações deverão ser passadas ao Disque-Denúncia, pelos telefones 3223-5800, na capital, e 0300 313 5800, no interior do Estado. Não é necessário se identificar. G1/MA

Navalhada do dia

Vem aí um presente de grego para os contribuintes brasileiros. Graças a uma decisão do Congresso, o número de vereadores nas eficientes câmaras municipais do Brasil vai aumentar.
Serão 3 mil e 200 novos edis para se somar aos milhares de outros já existentes. Há uma sofreguidão para ser vereador, prestar serviço público, fiscalizar o prefeito e dedicar o seu tempo de lazer para cuidar da cidade.
Nenhum desses milhares está preocupado em faturar um bom salário, trabalhar pouquíssimo, usar o carro oficial com motorista e combustível, nomear parentes e cabos eleitorais nos seus gabinetes.
Isto tudo pertence ao passado, agora as coisa mudaram. Os milhares de novos vereadores que vão ser escolhidos por nós junto com o prefeito, são de uma outra geração e estão compromissados só com o interesse público.
Não são mais os barnabés interesseiros. Finalmente as coisas começam a mudar no nosso país. Se você discorda, entre no nosso espaço de debates....

Rich Franklin vai enfrentar Wanderlei Silva no Brasil

Em Belo Horizonte, o brasileiro fará a revanche contra o americano, que o derrotou em 2009

Revanche entre Rich Franklin (à esq.) e Wanderlei Silva será a luta principal do UFC 147
Wanderlei Silva terá pela frente o velho conhecido Rich Franklin, em Belo Horizonte

O UFC anunciou na tarde desta quarta-feira que o americano Rich Franklin será o novo adversário de Wanderlei Silva no UFC 147, dia 23 de junho, em Belo Horizonte. Será a segunda luta entre os dois - Franklin derrotou o americano em 2009, por uma decisão dos juízes. 
A alteração no card foi feita por causa da contusão de Vitor Belfort, que sofreu uma lesão na mão esquerda. Silva e Belfort fariam a luta dos treinadores do reality show The Ultimate Fighter.

O terceiro UFC em solo brasileiro enfrenta diversos contratempos, incluindo a escolha da sede. A primeira cidade escolhida foi São Paulo, mas não foi possível a realização por causa de problemas com o limite de som durante a madrugada. A segunda opção foi o Rio de Janeiro, mas no fim de semana do evento a capital flumineses receberia o evento da ONU Rio+20. A solução foi transferir o evento para Belo Horizonte.
O combate que seria o grande chamariz de público no Brasil, Anderson Silva e Chael Sonnen, acabou transferido para Las Vegas, no UFC 148, em 7 de julho. 
Com as mudanças, a segunda luta mais importante do UFC 147 será entre o brasileiro Fabrício Werdum e o americano Mike Russow. Estão confirmados ainda os embates entre Yuri Alcântara e Hacran Dias, Felipe Sertanejo e Miltinho Vieira e as duas decisões do reality show The Ultimate Fighter, nas categorias peso-pena e peso-médio.
Também nesta quarta os organizadores divulgaram a informação que os fãs que compraram ingressos antecipados terão três dias para pedir o dinheiro de volta, caso não estejam satisfeitos com as mudanças na programação. (veja)

Facebook espera lucrar com marketing político

Rede social abre processo para contratação de especialista em anúncios políticos. Foco será nas eleições presidenciais norte-americanas


Ainda lidando com as repercussões negativas da sua abertura de capital, o Facebook não para de pensar em novas maneiras de gerar receita e agradar os acionistas. Desta vez, a rede social espera ganhar dinheiro divulgando propagandas políticas em tempo de eleição, e até abriu um processo para contratar um empregado especializado no tema:

"O empregado terá que estabelecer e fortalecer relações com comitês de campanha nacionais, buscar aumentar a adoção da nossa plataforma e a satisfação dos anunciantes”, diz a descrição da vaga, postada pelo Facebook.

O dinheiro em jogo é alto, principalmente o da disputa presidencial norte-americana entre Barack Obama e o republicano Mitt Romney. Isso porque as regras para estas eleições serão diferentes, principalmente por causa dos chamados Super-PACs, comitês de ação política que não são vinculados à campanha oficial dos candidatos.

O sistema norte-americano já aceitava a atuação dos PACs, grupos privados que podiam arrecadar até US$5 mil de pessoas físicas para criar campanhas de apoios a causas ou políticos. Mas com uma decisão do Supremo Tribunal norte-americano de 2010, que definiu que “as corporações também são pessoas” e por isso teriam os mesmos direitos políticos de pessoas físicas, foram criados os chamados Super-PACs, que podem receber doações ilimitadas de doadores que preferem se manter anônimos.

Os Super-PACs – que são vários para cada candidato – inundaram a campanha de 2012 de recursos, que em grande parte devem migrar para a internet porque os norte-americanos param cada vez menos na frente da TV. É estimado que a campanha de Barack Obama sozinha gaste US$ 35 milhões em anúncios na internet, contra US$ 16 milhões em 2008. Grande parte desse dinheiro pode ir para o Facebook – são 160 milhões de usuários norte-americanos, quase o mesmo número de pessoas aptas para votar no pleito.

Na semana passada, um evento no Vale do Silício em apoio ao atual presidente arrecadou US$ 13 milhões, com doadores de empresas como Craigslist, Facebook e Google. A marca superou as doações das eleições passadas, que ficaram em US$9 milhões.
(Olhar Digital)

Em Manaus, Chico da Silva lança primeiro volume de coletânea de sucessos

Com 35 anos de carreira, o currículo vasto do cantor e compositor lhe renderá ainda outros dois volumes, que já estão em fase de produção e serão mostrados em Parintins.

Chico da Silva se apresentou nesta quarta no Largo São Sebastião. Foto: Arlesson Sicsú
 Manaus - Nada melhor que relançar seus maiores sucessos para um público fiel. Chico da Silva esteve, na noite desta quarta-feira (30), no já tradicional Tacacá na Bossa, no Largo São Sebastião, no Centro de Manaus, para o lançamento do primeiro volume de "Um samba sempre novo", com 12 de seus sucessos.
Com 35 anos de carreira, o currículo vasto do cantor e compositor lhe renderá ainda outros dois volumes, que já estão em fase de produção e  serão mostrados em sua terra natal, Parintins, juntamente com mais dois álbuns de toada, 'As grandes toadas de Chico da Silva' e 'O poeta versador' (um relançamento de 1995).
"Estamos compilando os LPs, para que o público tenha a oportunidade de conferir sucessos", comemorou Chico.

Entre os seus anos de carreira, Chico da Silva teve um problema sério em sua voz, o que não o impediu de compor, como tem feito sempre. "Estamos firmando com uma gravadora de São Paulo. Por causa da pirataria, elas ficam um pouco receosas em lançar cds, mas já virá um cd com inéditas"
A apresentação contou também com nomes como Lucilene Castro, Mestre Arnoldo e Dudu Brasil, que tem apenas 13 anos, mas desde os três se apresenta nos palcos cantando sambas. Ele revelou ser um grande fã de Chico da Silva. "Cheguei a ouvir os LPs mais antigos. Estou começando a compor agora e ele é uma grande inspiração, inclusive na hora de cantar, pela afinação sem igual", afirmou.

No meio da platéia estava o funcionário público Roberto Alencar, que aproveitou a noite para cantar toadas e sambas de Chico. "Ele é uma das referências quando se fala de música amazonense. É um grande orgulho termos um poeta do samba", elogiou.
Ainda entre os fãs estava o cantor Nicolas Júnior. "Incrível como Chico da Silva consegue reunir públicos de todas as idades, consegue romper as barreiras e traduzir em suas músicas o cotidiano amazônico. Ele tem uma grande importância, uma referência para todos os estilos", disse o cantor.( )

Bruno ganha liberdade condicional, mas continua preso

O juiz Wagner Cavalieri, da Vara de Execuções Penais de Contagem (MG), deferiu nesta terça-feira (29) a progressão de pena para o regime semiaberto e concedeu livramento condicional ao goleiro Bruno Souza pela condenação relativa a lesão corporal, cárcere privado e constrangimento ilegal de Eliza Samudio, sua ex-amante. O goleiro havia sido condenado pela Justiça do Rio de Janeiro em 2010 a quatro anos e seis meses de prisão pelos crimes que teriam ocorrido em 2009.
No entanto, o goleiro permanecerá preso na penitenciária de segurança máxima Nelson Hungria, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, por conta de mandado de prisão preventiva expedido contra ele pelo Tribunal do Júri da cidade mineira.
Bruno está preso desde julho de 2010 pela acusação de ter sido o mandante do assassinato de Eliza Samudio. Sendo assim, ele já cumpriu mais de um sexto da pena imposta no Rio de Janeiro e somado a um bom comportamento apresentando na prisão e por ser réu primário à época da condenação, o jogador obteve o direito de pleitear a progressão da pena.
Segundo a assessoria do TJ-MG (Tribunal de Justiça de Minas Gerais), o processo foi transferido do Rio de Janeiro para Contagem (MG) pelo fato de o réu estar preso no Estado acusado de um crime de homicídio.
O advogado Rui Pimenta, que defende o goleiro, aguarda um julgamento de pedido de habeas corpus impetrado no STF (Supremo Tribunal Federal) para que ele aguarde o julgamento da acusação de homicídio, ainda sem data definida, em liberdade.
A liminar do habeas corpus com pedido de soltura do goleiro foi indeferida em dezembro do ano passado pelo ministro Ayres Brito. Agora, o colegiado do Supremo vai analisar o mérito do HC, em data indefinida.
De acordo com Francisco Simim, que defende o goleiro ao lado de Pimenta, a defesa está aguardando o resultado do julgamento no STF para pedir o desmembramento do processo sobre o suposto homicídio de Eliza Samudio à Justiça. Segundo Simim, a intenção é que os defensores tenham mais tempo para fazerem suas explanações perante o júri popular.
Em casos com mais de dois réus, explicou o advogado, o Código de Processo Penal manda acrescer uma hora ao tempo da defesa, que normalmente é de uma hora e meia, e dividi-lo em partes iguais para todos os réus. No caso do sumiço de Samudio, são oito réus no total. Com o desmembramento, a defesa espera ter o tempo total para fazer suas argumentações.
UOL

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Deputado deixa calcinha cair do bolso no plenário da Câmara

Há duas semanas um mistério ronda a segurança da Câmara dos Deputados e preocupa um deputado saliente. Por volta das 17h, no horário da Ordem do Dia, esse deputado chegou correndo para votar, e na entrada principal do plenário, próxima à Mesa, mexeu nos bolsos e sem ver, deixou cair a prova do crime: uma calcinha – mais para calçola – azul e vermelha, com babadinhos nas laterais.

Sem saber que deixara para trás o fetiche, o parlamentar foi para o meio do plenário. Um dos seguranças, vendo a calcinha estendida na entrada do plenário, sem despertar a atenção dos parlamentares, assessores e jornalistas que se amontoam na entrada, deu um chutinho discreto, empurrando a lingerie para o lado da lixeira.

Avisado pelos seguranças, um assessor do presidente Marco Maia (PT-RS) recolheu a calcinha e a escondeu no bolso. A partir daí, a peça íntima foi examinada por assessores, jornalistas e seguranças à exaustão. A única conclusão: a peça foi usada antes e não pertence a uma sílfide.

Sem saber o que fazer com o achado, a calcinha foi recolhida “aos achados e perdidos” da Segurança da Câmara. Até agora não foi reclamada por nenhum parlamentar.

Operação Salmo 96:12 PF e Ibama desmontam esquema de crimes contra o meio ambiente

Polícia Federal e Ibama detalham a Operação Salmo 96:12 durante coletiva. Foto: Eduardo Andrade
Investigações iniciadas há aproximadamente um ano culminaram, na manhã de quarta-feira, 23, na Operação Salmo 96:12, realizada pela Polícia Federal em parceria com o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Renováveis). Foram expedidos 44 mandados de prisão, 50 de busca e apreensão, além de 11 de condução coercitiva.

Uma extensa rede criminosa, com atuação no Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), Iteraima (Instituto de Terras de Roraima), Femarh (Fundação Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos), Prefeitura de Boa Vista e Superintendência do Ibama em Roraima agia de forma fraudulenta na regularização de terras e na emissão de documentos para autorizar a exploração madeireira em áreas de florestas virgens do Estado.

Foram desmatadas 146 mil hectares de matas nativas, o que corresponde a 146 mil campos de futebol. Segundo informações Ministério do Meio Ambiente (MMA), entre 2011 e os primeiros meses de 2012, o desmatamento em Roraima aumentou 363%, o que chamou a atenção dos órgãos que monitoram a Amazônia Legal.


Foram expedidos 44 mandados de prisão, 50 de busca e apreensão, além de 11 de condução coercitiva pela PF. Foto: Eduardo Andrade
Durante as investigações, foi identificado o envolvimento de três servidores do Incra -RR, seis da Femarh, oito do Ibama – RR (inclusive o chefe da Fiscalização), vinte madeireiros, quatro empresários do ramo de consultoria ambiental, um do Iteraima, além de mais de cem “laranjas” e familiares.

Além do desmatamento desenfreado, o aumento na quantidade de emissão de DOFs (Documentos de Origem Florestal) deu o sinal de que algo estava errado. Segundo Rodrigo Timóteo, procurador da República, trata-se de “uma das maiores fraudes do Sistema DOF (Sisdof) no Brasil. Ainda segundo ele, devido ao tamanho do esquema, tanto a maior parte da madeira vendida no Brasil quanto a que é exportada pode ser de origem fraudulenta.

Fiscais do Ibama “vendiam” informações
A “venda” de informações feita por servidores corruptos sobre as operações de fiscalização realizadas pelo próprio Ibama é um dos entraves para a coibição de crimes ambientais. Conforme Fabrízio Garbi, delegado responsável pela Operação Salmo 96:12, esses dados eram vendidos por quantias ínfimas.
“Há casos em que houve pagamento de R$ 50 para que fiscalizações do Ibama não tivessem resultado positivo”, disse. Para ele, além da gravidade do crime ambiental, a “entrega” de informações sigilosas pode colocar em risco a vida de fiscais não envolvidos com o esquema de corrupção.

DESCULPA PERFEITA

Fabrízio Garbi explicou que essa Operação nasceu de uma parceria entre vários órgãos. Além do Ibama e da própria Polícia Federal, houve o suporte do Ministério Público Federal e da Advocacia Geral da União. Segundo ele, buscar apenas as conseqüencias do desmatamento não estava dando o resultado desejado. “Fomos investigar as causas mais remotas, onde tudo realmente começa. Então, descobrimos que existem regularizações fundiárias fraudulentas”, disse.

Ainda de acordo com Garbi, existem regras para que ocorra a regularização de terras, a exemplo da exigência de que elas sejam ocupadas e exploradas e não apenas “cuidadas por um caseiro”. Mas, segundo ele, o que se encontrou foram pessoas que moram em Boa Vista, mas que regularizaram fazendas localizadas a 400 quilômetros da capital e em áreas de difícil acesso. As investigações apuraram que se trata de áreas não habitadas, sem plantações e sem condições necessárias para o pasto, pois são regiões de floresta amazônica virgem.

Entretanto, ao conseguirem de forma fraudulenta a regularização de terras, essas pessoas iam em busca do licenciamento ambiental. Em seguida, era emitida a licença prévia para criação de gado, o que, consequentemente, autorizava o desmatamento. Conforme Garbi, essa era a “desculpa perfeita” para que toda a madeira fosse extraída. As áreas acima de 1,5 mil hectares precisam de licitação e, abaixo desse valor, consegue-se autorização para desmatar aproximadamente 15 mil metros cúbicos de madeira. “A pessoa sem ter plantado nenhuma semente, sem ter criado nenhum boi, sem ter gastado um único centavo, ela se torna proprietária de 1,5 mil hectares de solo brasileiro e de 15 mil metros cúbicos de madeira”, salientou.

Desmatamento cresceu 363% em Roraima

Cerca 1,4 milhão de metros cúbicos de madeira foram regularizados no Estado no período investigado. Foto: ARQUIVO/RH
Segundo Ramiro Martins Costa, diretor de Proteção Ambiental do Ibama, o que está acontecendo em Roraima não é diferente do que ocorre em outros estados da Amazônia Legal. Porém, o fato de Roraima ter apresentado um crescimento de 363% fez com que o Estado se tornasse a “bola da vez”. “Isso tem uma explicação lógica: as mesmas pessoas, as mesmas quadrilhas que agiam no Pará vieram para Roraima cooptar pessoas dos órgãos públicos. Aqui estamos dando um basta antes que aconteça o que aconteceu naquele estado, no Mato Grosso, no Acre, em Rondônia. Então, o recado foi dado”, acrescentou.
O Ibama de Roraima contará com uma equipe de fiscais de vários estados, nos próximos 60 dias, a fim de que sejam intensificadas as ações de combate ao desmatamento ilegal e transporte de madeiras de origem fraudulenta. Apesar da vinda desses servidores, Ramiro Costa fez questão de ressaltar que o órgão no Estado não está sob intervenção. “Como houve a prisão de um efetivo muito grande de fiscais, que também responderão administrativamente, nós vamos trazer gente do restante do Brasil pra fazer uma pressão de fiscalização muito grande, principalmente no sul do Estado”, concluiu.

Prejuízos passam de R$ 400 milhões
Para Alexandre Silva Saraiva, superintendente da Polícia Federal em Roraima, a Operação foi positiva. Segundo ele, trata-se de uma ação contra as fraudes que estão ocorrendo no Estado e não contra as pessoas. Ele afirmou que as operações serão intensificadas, principalmente sobre o transporte de madeiras. “É bom que quem transporta madeira certifique-se que o DOF seja regular, que procure os órgãos ambientais antes de transportar madeira”, alertou.
Saraiva fez questão de salientar que, a partir de agora, além da madeira irregular, o caminhão também será apreendido. Segundo ele, 1,4 milhão de metros cúbicos de madeira foram regularizados no Estado no período investigado, o que daria algo em torno de R$ 400 milhões, sem contabilizar os valores necessários para recomposição florestal daquelas áreas. Considerando isso e os danos ao meio ambiente, esse valor pode ser bem mais elevado.

Confira a lista dos acusados:


01 - Guilherme da Silva Pena, 32
02 - Nadisson Peixoto Pinheiro, 36
03 - Dorval Costa Junior, 55
04 - Ildevan Pereira da Silva, 38
05 - Jane Wanderley de Mello, 54,
06 - Bernardo Lusitano Esteves, 39
07 - Edivaldo Victor de Lima, 45
08 - Waldemir Barnabé dos Santos, 57
09 - Cleyton Vieira do Nascimento, 40
10 - Josefa Rodrigues da Silva, 40
11 - Lourival Ferreira da Costa Filho, 58
12 - Gimi Kater Alves da Silva, 30
13 - Janair Nunes Pinheiro, 55
14 - Lúcio Moura Tonelli Pereira, 38
15 - Antônio Cabral de Macedo Neto, 44
16 - Robério dos Santos Mangabeira, 40
17 - Greiner Costa da Silva, 34
18 - José da Silva Araújo, 47
19 - Carlos Mendes Rodrigues, 49
20 - Pedro Fernando Ferreira dos Santos, 53
21 - Mário Sérgio Nunes Fortes, 56
22 - Iranilde Paz Burg, 31
23 - Aselma Marcelo de Oliveira, 46
24 - Alcino Brito dos Santos, 54
25 - Fabrício de Olilveira Lima, 28
26 - Júlio César Ferreira Izel, 34

Incra divulga nota sobre operação
Com relação à Operação Salmo 96:12, deflagrada nesta quarta-feira (23) pela Polícia Federal em Boa Vista, a Superintendência Regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) em Roraima enviou nota de esclarecimento à redação do RH.
Conforme o documento, o Incra afirma que “a Polícia Federal cumpriu mandado de busca e apreensão exclusivamente no setor de Cadastro Rural, de onde foram levados documentos e HDs de computadores. Este setor é responsável pelo cadastramento de todos os imóveis rurais, estejam eles sob jurisdição da União, dos estados ou dos municípios”.
Tão logo o Incra tomou conhecimento da ação, colocou-se à disposição para prestar todos os esclarecimentos que se fizerem necessários. Por fim, o Incra esclarece que o procedimento de transferência de terras da União para o Estado de Roraima encontra-se suspenso desde o dia 14 de março de 2011, em atendimento à Recomendação n° 01/2011 do Ministério Público Federal.

Encontro de blogueiros discute liberdade e regulamentação dos meios de comunicação

O 3º Encontro Nacional de Blogueir@s reúne, neste final de semana, Em Salvador, ativistas e comunicadores de todo o país discutem um novo marco regulatório da mídia. Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou mensagem em ídeo dizendo que “a internet é um meio importantíssimo para garantir a liberdade de expressão, a diversidade de opinião e a construção da cidadania". Encontro termina neste domingo com divulgação de uma carta-manifesto. A reportagem é de Maíra Kubík Mano.

Maíra Kubík Mano, de Salvador
Salvador - “Os excessos de liberdade se corrigem com mais liberdade”. A frase, do historiador francês Alexis de Tocqueville, aparece ao lado dos dizeres de Carlos Ayres Britto, presidente do Supremo Tribunal Federal: “A liberdade de expressão é a maior expressão da liberdade”. Juntas em um grande banner com logotipos de patrocinadores e apoiadores, elas dão o tom do 3º Encontro Nacional de Blogueir@s, cujos eixos principais são a defesa da liberdade de expressão e da blogosfera e a luta pela democratização da comunicação.

O evento começou ontem em Salvador (BA), com um auditório lotado de comunicadores, laptops, jornalistas, tablets, políticos e telefones celulares. Segundo a organização, o Centro de Estudos de Mídia Alternativa Barão de Itararé, 426 ativistas se inscreveram para acompanhar os debates, que deverão ocorrer até domingo (27/05).

“O mote do segundo encontro foi a necessidade de democratizarmos a comunicação. Dessa vez, além de manter a luta pelo marco regulatório e pela liberdade de expressão, temos uma nova motivação: a blogosfera passou a incomodar”, afirmou Altamiro Borges, presidente do Centro de Estudos e autor do Blog do Miro. 

Outra mudança foi o nome do evento: o primeiro e segundo encontros vinham com a alcunha de blogueiros “progressistas”, que foi abandonada nessa terceira edição.

Na abertura, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que participou em 2011, enviou uma mensagem em vídeo onde justificava sua ausência em função da recuperação do tratamento de câncer. Na gravação, Lula defende que “a internet é um meio importantíssimo para garantir a liberdade de expressão, a diversidade de opinião e a construção da cidadania. Ter informação e conhecer diversas visões do mesmo fato é essencial para garantir que todo o cidadão possa opinar e participar da vida política de seu país”. O ex-presidente também afirmou que a comunicação “não pode estar concentrada em poucas empresas, em poucas famílias, em poucos lugares. As opiniões do povo do Norte, do Nordeste, das mulheres, as pessoas portadoras de deficiência, dos pobres têm que aparecer. E os blogs e a internet têm um papel fundamental nisso”....

Na praia, Isis Valverde mostra corpão que faz sucesso em 'Av. Brasil'

Isis Valverde aproveitou o fim da tarde desta quarta-feira (30) para ir à praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.
Desacompanhada, a Suelen de Avenida Brasil, da Rede Globo, foi clicada lendo um livro e, depois, indo tomar um banho de mar.
Na volta, Isis foi simpática com o fotógrafo e até sorriu. Em seguida, ela encontrou o apresentador Bruno de Luca, com quem bateu papo e foi vista indo embora da praia.(Terra)




CPI APROVA CONVOCAÇÃO DOS GOVERNADORES DE GOIÁS E DO DF

A CPI do Cachoeira aprovou nesta quarta-feira (30) a convocação dos governadores Marconi Perillo (PSDB-GO) e Agnelo Queiroz (PT-DF), mas rejeitou ouvir o governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB).
A decisão de votar requerimentos convocando governadores levou mais de duas horas, tomadas pelo embate entre o PT e o PSDB na comissão de inquérito.
Perillo, que segundo investigações da Polícia Federal teria loteado seu governo com indicações de Cachoeira e recebido dinheiro do empresário pela venda de uma casa, foi convocado por unanimidade.(Folha)

Pescador fisga peixe 'Frankenstein' em lago no Reino Unido

Mark Sawyer apelidou o peixe de 'Frankenstein'
Peixe parecer ser composto de três espécies diferentes. Mark Sawyer fisgou o exemplar no lago Magpie em Cambridge.


O pescador Mark Sawyer disse ter ficado espantado ao fisgar um peixe que parecer ser composto de três espécies diferentes. Sawyer apelidou o peixe de “Frankenstein” após fisgá-lo no lago Magpie em Cambridge, no Reino Unido, segundo o jornal “The Sun”.

 Brema
 Rutilo

 Peixe-dourado
“O peixe parece ter a cabeça de um rutilo, o corpo e a cauda de um peixe-dourado marrom e a barbatana anal de um brema”, disse Sawyer.

Fonte: G1  /Daily Mail

Taxistas divulgam fotografia de suspeito de cometer mais de 70 assaltos e um homicídio em Manaus

 Jullison Correa, o “Julinho do Areal” é acusado de assaltar dezenas de taxistas e de ter assassinado Francisco Teixeira, o “Borracha” , na última semana.

Taxistas divulgaram nesta quarta-feira, a fotografia do principal suspeito de cometer aproximadamente 70 assaltos a categoria em Manaus. Julisson Correa, o ‘Julinho do Areal’ foi reconhecido por motoristas, como sendo o autor de dezenas de crimes, entre eles o homicídio do taxista Francisco Teixeira, o ‘Borracha’, ocorrido na última semana.

De acordo com o líder da Comissão de Taxistas Auxiliares e Permissionários de Manaus (Cetapam), Jorge Santana, nesta terça-feira (29), cerca de 400 profissionais tentaram invadir o Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, Adrianópolis, zona centro-sul, após a denúncia de que o acusado estaria internado em um dos leitos da unidade de saúde. “Uma pessoa nos informou que o ‘Julinho do Areal’ estava internado lá recebendo cuidados médicos. Ele foi pra lá logo após ter travado luta corporal com o nosso colega ‘Borracha’, durante uma tentativa de assalto. No confronto, o criminoso foi ferido com um golpe de chave de fenda e um tiro na perda, e o taxista perdeu a vida.”, declarou Santana.

Ainda segundo o líder da Cetapam, os taxistas montaram campana em frente aos principais hospitais de Manaus, na tentativa de capturar o acusado. “Se for o caso, vamos nos reunir em mais de mil trabalhadores para pegar esse bandido, e a partir daí, não nos responsabilizaremos pelas conseqüências. Chega de tanta impunidade!”, desabafou Jorge Santana.

Segurança reforçada
Em reunião entre a categoria e o Secretario de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), coronel Paulo Roberto Vital, ocorrida nesta quarta-feira, os taxistas tiveram a garantia do próprio secretário, de que haverá mais rondas ostensivas no trânsito, principalmente no horário da noite e madrugada. “Ele (Paulo Vital) nos garantiu que vai colocar mais policiamento nas ruas. Os policiais vão parar os táxis sem necessidade de blitz, para fiscalizar e orientar os motoristas, essencialmente, os que trabalham no horário noturno.”, afirmou Jorge Santana.(CBN/AM)

Omar anuncia exoneração de ' Quinteto Fantástico'

Anúncio foi feito durante o Encontro de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Brasileira, no Hotel Tropical em Manaus

Omar Aziz afirmou que segue a indicação feita pela comissão formada para apurar o caso denunciado pelo Jornal A Crítica no dia 3 de maio de 2012 (Luiz Vasconcelos)
foto: de apresentação

O governador Omar Aziz (PSD) anunciou na manhã desta quarta-feira (30) que vai exonerar os cinco delegados da Polícia Civil do Estado conhecidos como `Quinteto Fantástico’.
Laura Câmara, Indra Celani Leal, Herbert Ferreira Lopes, Caio César da Rocha Medeiros Nunes e Thomaz Vasconcelos são acusados de ocuparem os cargos por meio de manipulação de concurso público em março de 2009.

Omar Aziz afirmou que segue a indicação feita pela comissão formada para apurar o caso denunciado pelo Jornal A Crítica no dia 3 de maio de 2012.
“Optar por esta decisão não é algo que me agrada, enquanto estamos voltados para estes problemas nossa tarefa de efetivar a segurança pública do Estado fica de lado”, disse, ressaltando que o Governo do Amazonas não deve ser julgado culpado pelo erro.
Segundo ele o Estado recorreu em diversas ocasiões, mas a Justiça entendeu pela validação da contratação do grupo.

Quanto aos integrantes do ‘Quinteto’ que ocupam cargos de confiança no Estado, como no caso de Thomaz Vasconcelos (secretário adjunto de inteligência do Estado), o governador afirmou que “nenhum deles cometeu crime", e que "se foram indicados para ocupar as funções, é porque possuem competência para isso”, dando a entender que não pretende afastar Vasconcelos da pasta.

De acordo com o procurador-geral do Estado, Clóvis Frota Júnior, não existe a possibilidade de anulação do certame, já que o ‘Quinteto Fantástico’ foi amparado por decisão da justiça.

Salários
A decisão da comissão criada para investigar o caso do 'Quinteto Fantástico' foi antecipada por A Crítica na edição impressa de hoje. Na reportagem também há a informação de que os cinco delegados exonerados não serão acionados a devolver os salários que receberam até agora.
Isso porque a jurisprudência brasileira determina que, quando houve de fato a prestação do serviço, não há que se falar em ressarcimento de valores. O salário inicial dos delegados aprovados no concurso de 2009, segundo o edital, é de R$ 6.104,16.

Fonte: http://acritica.uol.com.br


Obama homenageia Bob Dylan com Medalha da Liberdade

Presidente Barack Obama entrega a medalha da liberdade para Bob Dylan em cerimônica na Casa Branca
O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, concedeu nesta terça-feira (29) a principal condecoração civil dos EUA, a Medalha Presidencial da Liberdade, ao músico Bob Dylan, 70. Outras 12 pessoas --incluindo a romancista Toni Morrison-- também foram condecoradas.
Segundo Obama, os homenageados causaram um "incrível impacto" na sociedade com suas palavras e ações.
"O que diferencia esses homens e mulheres é o incrível impacto que eles exerceram sobre tanta gente", disse Obama ao entregar a medalha aos homenageados na Casa Branca. "Eles enriqueceram as nossas vidas e mudaram-nas para melhor." 

Além de Dylan e Morrison foram homenageados também o astronauta e ex-senador John Glenn; o juiz aposentado da Suprema Corte John Paul Stevens; a ex-secretária de Estado Madeleine Albright; o ex-presidente israelense Shimon Peres; o militar polonês Jan Karski, responsável por pungentes relatos sobre o Holocausto nazista; John Doar, funcionário graduado do Departamento de Estado na década de 1960; William Foege, pioneiro da erradicação da varíola; Dolores Huerta, ativista dos direitos civis; Juliette Gordon Low, fundadora do movimento norte-americano de bandeirantes (escotismo para meninas); Pat Summitt, treinadora de basquete e ativista na prevenção e cuidados do mal de Alzheimer; e Gordon Hirabayashi, que se contrapôs aos campos de concentração para nipo-americanos durante a Segunda Guerra Mundial.
Low morreu em 1927, e Karski, em 2000. Peres não compareceu à cerimônia, e a Casa Branca disse que ele receberá sua medalha separadamente.
A escolha dos homenageados é feita pelo próprio presidente. Condecorados anteriores incluem o ex-secretário de Estado Henry Kissinger; o líder sul-africano Nelson Mandela; e o ativista de direitos civis dos EUA Martin Luther King.
Dylan, com 50 anos de carreira, ainda é associado ao movimento da "canção protesto" da década de 1960, com músicas que se tornaram clássicos como "Like a Rolling Stone", "A Hard Rain's A-Gonna Fall" e "Desolation Row".
Morrison, 82, venceu o Prêmio Nobel de Literatura em 1993, seis anos depois de ter publicado "Beloved" (publicada no Brasil como "Amada" pela Companhia das Letras), que já tinha vencido o Prêmio Pulitzer.(Folha)

CQC barrado na Câmara a pedido de deputado do PDT

BRASÍLIA - AGÊNCIA CONGRESSO - O deputado federal Manato (PDT-ES) apresentou à Mesa Diretora da Câmara requerimento para impedir o acesso dos repórteres do programa CQC, da Band, na Casa.

O pedido dele será votado semana que vem. De acordo com Manato, que é primeiro suplente da Mesa, o requerimento deve-se ao fato do programa não fornecer informações à população sobre os trabalhos do Congresso, e sim em "desmoralizar a imagem dos parlamentares".

"Eu comungo com a liberdade de imprensa, acho que as pessoas têm que vir aqui e fazer as entrevistas. Eu não comungo com o que eles estão fazendo. Eles estão querendo desmoralizar o Congresso Nacional. O Senado já proibiu. Eles vêm aqui com perguntas induzidas", diz o deputado.

Manato afirma que já foi entrevistado pelo programa mas, como acertou todas as perguntas feitas pelos repórteres, sua entrevista não foi veiculada.

"Certas perguntas eles não colocam se você acertou. O que eles querem são respostas erradas, pra dizer que o deputado é burro. Eles querem desmoralizar, eles não querem informar. Mesmo sendo um programa humorístico, deveria ouvir os dois lados. Eu fiquei chateado porque eles me fizeram cinco perguntas difíceis, acertei as cinco e eles não colocaram a entrevista no ar. Preferiram fazer coisas jocosas com os outros deputados", acrescentou.

De acordo com o deputado, seu requerimento já foi entregue à Mesa e será analisado na próxima reunião com presidente da Casa, deputado Marco Maia (PT-RS), e demais membros, como Rose de Freitas (PMDB), vice presidente.

Reprodução autorizada desde que citada a fonte www.agenciacongresso.com.br

terça-feira, 29 de maio de 2012

Censura imposta em Presidente Figueiredo.


Portal terra das cachoeiras repudia qualquer forma de censura sobre o portal!!

Infelizmente em um país democrático ao qual vivemos ainda existem pessoas ignorantes que não respeitam o direito da "Liberdade de Imprensa" que a Constituição Federal garante a todos os veículos de comunicação do país, além da liberdade de expressão que também é garantida a qualquer cidadão...

Censura é o uso pelo estado ou grupo de poder, no sentido de controlar e impedir a liberdade de expressão. A censura criminaliza certas acções de comunicação, ou até a tentativa de exercer essa comunicação. No sentido moderno, a censura consiste em qualquer tentativa de suprimir informação, opiniões e até formas de expressão, como certas facetas da arte.

O propósito da censura está na manutenção do status quo, evitando alterações de pensamento num determinado grupo e a consequente vontade de mudança. Desta forma, a censura é muito comum entre alguns grupos, como certos grupos de interesse e pressão (lobbies),  governos, como forma de manter o poder. A censura procura também evitar que certos conflitos e discussões se estabeleçam.

A censura pode ser explícita, no caso de estar prevista na lei, proibindo a informação de ser publicada ou acessível, após ter sido analisada previamente por uma entidade censora que avalia se a informação pode ou não ser publicada (como sucedeu na ditadura Militar ou pode tomar a forma de intimidação governamental ou popular, onde as pessoas têm receio de expressar ou mostrar apoio a certas opiniões, com medo de represálias pessoais e profissionais e até ostracismo, como sucedeu nos Estados Unidos da América com o chamado período do McCartismo.

Pode também a censura ser entendida como a supressão de certos pontos de vista e opiniões divergentes, através da propaganda, contra-informação ou manipulação dos meios de comunicação social. Esses métodos tendem a influenciar opinião pública de forma a evitar que outras ideias, que não as dos grupos dominantes, tenham receptividade.