sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

IMPRENSA DIVULGA POSSÍVEL PRISÃO DE VEREADOR DE PRESIDENTE FIGUEIREDO


VEREADOR DE PRESIDENTE FIGUEIREDO, JONAS CASTRO PODE TER PRISÃO DECRETADA POR MORTE DE FISCAL


O vereador de Presidente Figueiredo Jonas Castro (PSB) poderá ter prisão decretada a qualquer momento pela Justiça, em razão do homicídio da fiscal de meio ambiente Clemência Assunção da Silva, ocorrido em maio de 2015.
Jonas Castro foi denunciado por homicídio e lesão corporal,  acusado de dirigir alcoolizado e, consequentemente, causar a morte da  servidora pública.  O acidente aconteceu no dia 31 de maio de 2015, na rodovia AM-010, estrada que dá acesso à Vila de Balbina.
O parlamentar também responde a outros processos criminais, na sua maioria por calúnia e danos morais.
Relembre o caso
O crime aconteceu no dia 31 de maio de 2015, por volta das 19h,  na Estrada AM-240. Clemência Assunção da Silva retornava de um culto na companhia da mãe e da filha de 4 anos, quando foi atingida por uma Ford Ranger, de placas JXU-0763, de propriedade do vereador Jonas Castro.
Conforme consta no processo, na ocasião, o parlamentar, devido ter ingerido bebidas alcoólicas, perdeu o controle do veículo e atropelou as três vítimas.
A criança chegou a ficar gravemente ferida, tendo as mãos multiladas. Clemência ficou em coma por alguns dias em um hospital de Manaus, mas não resistiu e foi a óbito no dia 5 de junho de 2015.
Até o fechamento desta matéria, tentamos falar com o parlamentar para uma explicação sobre o caso, mas infelizmente não obtivemos êxito.

Matéria publicada no http://blogdomarcellmota.com/policia/vereador-de-presidente-figueiredo-jonas-castro-pode-ter-prisao-decretada-por-morte-de-fiscal/

E, http://www.portalholofote.com/noticia/7210/vereador-de-presidente-figueiredo-jonas-castro-pode-ter-priso-decretada-por-morte-de-fiscal



domingo, 3 de dezembro de 2017

Gozação em presidente Figueiredo. Festival de FOOD TRUCK fracassa


Festival Food Truck, “Caminhões de Comida” deixa a população e comerciantes desconfiados – Foto: divulgação

Assim como seu irmão candidato a vereador em Manaus Marlon do Alvorada (PMDB) que obteve apenas 112 votos na última eleição, a subsecretária de turismo  MARIVONE ‘IVONE TUCANOS’, ostentou um fracasso ainda maior, ao idealizar juntamente com o vice prefeito Mario Abraão um grandioso encontro de ‘food truck’.
O evento foi motivo de gozação na imprensa e entre internautas em Presidente Figueiredo onde se lia as seguintes reportagens. “Na noite desta sexta-feira (01), a cidade de Presidente Figueiredo, localizado há 107 km de Manaus, realizou o “1º Figueiredo Food Truck Festival” que irá até hoje (02/12). Com a participação de apenas 02 Food Trucks e 01 churrasqueira, o evento foi totalmente vazio, além disso, irritou comerciantes e deixou a população sem saber, exatamente, qual foi a intenção de levar o “1º Figueiredo Food Truck Festival”, (Comida Sob Rodas ou Caminhão de Comida) para a Terra das Cachoeiras. O que se sabe pela população, é que desde que o vice prefeito, Mário Abrahão (PDT) assumiu interinamente a prefeitura da cidade, vem tentando passar por cima da proposta do Prefeito Romeiro Mendonça (PPS) no qual era o fortalecimento do comércio local e o “fechamento de portas para os forasteiros”. http://amazonasmais.com.br/1o-figueiredo-food-truck-festival-desaponta-organizadores-e-moradores/   
E continuou assim a reportagem “Presidente Figueiredo vive um clima de instabilidade político-administrativa e briga interna, além disso, recentemente o secretário Municipal de Turismo, Empreendedorismo e Comércio, Alexandre Lins (agora ex-secretário), pediu a exoneração do seu cargo após ter sido acusado de assédio sexual. Para o seu lugar, assumiu a sub-secretária Municipal de Turismo, Empreendedorismo e Comércio, Marivone Carneiro Campos (Ivone Tucanos). Em três dias que o vice-prefeito Mário Abrahão, primo de Hissa Abrahão, ficou substituindo o titular da Prefeitura (de 27 a 30/12), tomou medidas que reduzem a Zero a qualidade da cozinha regional de Presidente Figueiredo. A novidade, trazida pelo vice-prefeito e pela sub-secretária como “Grande Festival Gastronômico” parece não ter agradado principalmente os moradores e comerciantes do município, que eram o alvo principal do grande projeto, pois esses passaram bem longe da Praça da Cachoeira do Urubuí, local onde está o dito Festival. Ontem (01 sexta feira), estava esvaziado. Apostando que o jogo irá virar, tanto o vice quanto a Sub, estão prometendo mais cinco “Caminhões de Comida”, Food Truck, para as comemorações do aniversário da cidade, dia 10 de dezembro próximo. Alguns jovens até gostaram da proposta, porém, para a maioria da população, interinamente, os dois estão promovendo o esvaziamento do comercio turístico de Presidente Figueiredo, justo em um momento de crise econômica, quando o comerciante local mais precisa faturar para manter as suas contas em dias.
Enquanto o parque do urubui encontrava-se vazio com uma churrasqueira acesa e dois food trucks, a praça da cultura em Presidente Figueiredo estava lotada de pessoas com se vê na foto.
Foto postada por internauta em redes sociais
 
A subsecretaria de turismo de Presidente Figueiredo esta sendo apontada como uma das pessoas que apoia e incentiva escândalos através de internet e redes sociais, amiga da ex-servidora Kamila Fernanda, que acusa Alexandre Lins (ex-titular da secretaria) de ter lhe assediado com uma mensagem de whatsapp, onde pedia para esta lhe enviar uma fotografia sensual em um dos inúmeros banhos da cidade paradisíaca conhecida como a terra das cachoeiras.      
  

Alunos são vítimas de estupro em Presidente Figueiredo.



professor acusado de estupro de alunos da SEMED

O professor da rede municipal de ensino de Presidente Figueiredo, Edson Santos Silva, 35 anos, se apresentou hoje (01/12) a polícia (37ª DIP) após denúncia de estupro de dois (2) alunos da rede publica Municipal, sendo preso imediatamente pelo delegado Titular Dr. Valdinei. O fato teria ocorrido no dia 13 de novembro deste ano e envolveram duas crianças um menino de 12 anos e uma adolescente de 15 anos estudantes da escola Alessandra Braga localizada na Comunidade do MICADE na rod. Br. 174, km 134.


A denúncia só foi possível após o pedagogo da escola, identificar o crime através de conversas com as vitimas, alunos de sua unidade, o que despertou a suspeita de que o professor estava envolvido, fazendo com que este comunicasse aos pais das crianças as suspeitas de crime de estupro, prontamente os pais dos alunos se dirigiram a 37ª DIP para comunicar a ocorrência de crime, o que deflagrou a ação da polícia.   


Trata-se de indivíduo já reincidente, com outras acusações de estupro de vulnerável e que circulava livremente nas escolas municipais como professor sem que despertasse qualquer suspeita das autoridades de educação do Município, o que causou indignação de alguns pais de alunos, por ser recorrente esse tipo de crime no âmbito do Município. Alguns pais de alunos afirmam que a SEMED já deveria ter tomado providências para evitar que pessoas acusadas desse tipo de crime fossem afastadas de suas funções ou do contato com crianças e adolescentes.

Professor é suspeito de estuprar menina de nove anos dentro de ...

portaldourubui.blogspot.com/2015/12/professor-e-suspeito-de-estuprar-menina.html
10 de dez de 2015 - Caso ocorreu em uma escola no município de Presidente Figueiredo, distante a 106 quilômetros de Manaus (Evandro Seixas) Por meio do Facebook, um homem, com a identidade preservada, denunciou um estupro cometido contra sua filha de apenas nove anos.
 

Caso de Polícia em Presidente Figueiredo - portal terra das cachoeiras

terra-dascachoeiras.blogspot.com/2015/12/caso-de-policia-em-presidente.html
7 de dez de 2015 - Caso de Polícia em Presidente Figueiredo – Professor tenta estupro de vulnerável em sala de aula ... até em vestiário da escola; outro levou um menino de 11 anos à sua casa para praticar abusos, outro teria dado R$ 10 a um garoto em troca de sexo oral e outros tocaram em órgãos sexuais de alunos.
 

Notícias - Portal do Marcos Santos

www.portaldomarcossantos.com.br/noticias/
Professor é preso por estupro de vulnerável em Presidente Figueiredo · Cidade · 
 

Homem é preso em Presidente Figueiredo suspeito de estuprar ...

www.amazonianarede.com.br/homem-e-preso-em-presidente-figueiredo-suspeito-de-...
Policiais Civis do 37º Distrito Integrado de Polícia (DIP), localizado no município de Presidente Figueiredo, registraram a prisão de Elenário Rodrigues da Costa, ... Na Delegacia, os policiais encontraram dados de outros processos pelos quais Elenário responde em Manaus, inclusive de um outro estupro cometido no ano ...
 

Em Presidente Figueiredo professor é preso por tentar estuprar aluna ...

www.reporter-am.com.br/em-presidente-figueiredo-professor-e-preso-por-tentar-estu...
20 de jan de 2016 - Márcio Sá de Souza, 41 anos, foi preso no município de Presidente Figueiredo (AM), por prática de estupro de vulnerável contra uma menina de 9 anos de idade. O crime teria ocorrido na tarde do dia 4 de dezembro, em uma escola municipal do município. Márcio atua como professor na escola, onde ...     

sábado, 11 de novembro de 2017

ELETROBRAS AMAZONAS GT INAUGURA EM PRESIDENTE FIGUEIREDO NOVA SUBESTAÇÃO E ROMEIRO DIZ SER UM MARCO NO DESENVOLVIMENTO DO MUNICÍPIO



No inicio do ano ROMEIRO MENDONÇA iniciou a busca pela expansão e melhoramento do fornecimento de energia elétrica no Município de Presidente Figueiredo, após ter identificado o problema de desabastecimento de energia elétrica e empecilho ao desenvolvimento agroindustrial do município.   Após varias críticas aos governos passados que por 12 anos se mantiveram inertes ao problema tendo em vista que foi ROMEIRO MENDONÇA viabilizou a primeira subestação no município e desde então passados quase 20 anos nada tinha sido feito para ampliar a rede, este com a ajuda do Ex-ministro EDUARDO BRAGA, que não compareceu a solenidade em decorrência de compromissos urgentes, conseguiu junto a ELETROBRAS AMAZONAS GT a ampliação que tanto desejava, hoje (11/11) o projeto se concretizou afirmou ROMEIRO MENDONÇA.


Estavam presentes a solenidade o diretor-presidente da ELETROBRAS AMAZONAS GT, dentre outros executivos e colaboradores da concessionária, o Prefeito ROMEIRO MENDONÇA, secretários municipais, vereadores da base do governo, empresários, comerciantes e populares que foram prestigiar a inauguração.    


“Essa subestação foi construída com o que há de mais moderno em termos de equipamentos, foi aprovada em todos os testes que fizemos e reforçou a confiabilidade do sistema elétrico do Munícipio contando com 5 (cinco) transformadores de 230/13.8 KV 1x15 MVA”, disse um técnico ao Prefeito Romeiro Mendonça. “De forma prática, ela já está atuando para que as interrupções no fornecimento de energia elétrica sejam eventos cada vez mais raros e, se por ventura acontecerem, o restabelecimento da energia para os nossos clientes seja feito num prazo cada vez mais curto”, ressaltou.


Com os investimentos, Presidente Figueiredo é a subestação mais recentes da ELETROBRAS, possibilitando atender as solicitações de novos clientes e de aumentos de demanda, e está integrada ao mesmo regional de distribuição das subestações da ELETROBRAS em Balbina e Manaus. Para ROMEIRO MENDONÇA, o aumento de atividades econômicas tais como mineração, agropecuária, comércio e serviços demandam novas cargas de energia elétrica e a ELETROBRAS AMAZONAS GT está cumprindo seu papel para atender bem seus clientes.

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Internet, terra de ninguém? Em Presidente Figueiredo o Poder Judiciário esta abarrotado de ações criminais.


Foto da entrada do fórum em Pres. Figueiredo

Presidente Figueiredo vive uma onda de calunias, injurias e difamações através de redes sociais e blogs, trata-se de um verdadeiro frisson caluniador em curso segundo alguns internautas. Em todos os casos há a motivação política ou partidária e envolvem ataques ao prefeito, vereadores, secretários, advogados e pessoas comuns, e são utilizados todos os meios de denúncias e ataques, indo de assédio, falta de materiais, até resultado de concursos de rainha ou jogos de futebol. Segundo informações colhidas no Fórum de Justiça em Presidente Figueiredo, varias ações criminais e representações criminais já foram ajuizadas por vitimas de ofensas morais e estão aguardando instrução e julgamento. Existe até vereador sendo processado criminalmente por ofensas contra o Prefeito.   
Trata-se de um dos problemas mais recorrentes que tem ocorrido ultimamente na internet, são os crimes contra a honra, entendidos como injúria, calúnia e difamação através das redes sociais. Segundo entendimento do Poder Judiciário a internet não é um mundo sem lei, onde as pessoas podem fazer o que bem entendem sem qualquer consequência. Isso é o que é chamado de responsabilidade pelos atos e, de forma geral, a responsabilidade pelos atos na internet é a mesma que aquela do mundo físico. Portanto, não há qualquer regra que isente uma pessoa para praticar atos ilegais no mundo virtual. A responsabilidade pelos atos praticados na internet pode ser em qualquer forma de utilização, seja através de redes sociais, seja na troca de e-mails ou de arquivos, em transações comerciais, etc.
Havendo um ato ilícito, ele pode gerar diferentes formas de responsabilidade. Assim, uma pessoa pode causar dano a outra, gerando responsabilidade civil, sem que seja um crime que tenha responsabilidade penal, por exemplo.
Já a Responsabilidade penal na internet é provocada quando alguém pratica um ato definido em lei como crime ou contravenção penal. Nesse caso, além de uma possível indenização à vitima, o autor também estará sujeito às consequências do Direito Penal, com prisão, penas restritivas de direitos, multa e outros efeitos da condenação criminal. Havendo a ofensa da honra de outra pessoa, pouco importa se o fato se deu na presença da vítima ou através da internet, devendo o autor ser responsabilizado sem qualquer distinção do meio. Para haver a denúncia, a vítima deve comunicar ao Ministério Público ou à polícia a intenção de que o ofensor seja processado.

terça-feira, 7 de novembro de 2017

SECRETÁRIO DE TURISMO DE PRES. FIGUEIREDO PEDE EXONERAÇÃO.



O ex-secretário de Turismo de Presidente Figueiredo, Alexandre Lins, deixou o cargo que ocupava desde janeiro, para responder as acusações que lhes são feitas por servidores ligados a oposição dentro da pasta que comandava.
Carta de Exoneração enviada ao Prefeito
Ele admite que pessoas dentro do próprio governo estejam envolvidas em uma série de denúncias que começaram após ter tomado algumas medidas que desagradaram seus opositores. A gota d’água para que resolvesse sair do cargo depois de um pedido de exoneração não aceito pelo prefeito, foi à nova onda de agressões morais que vem sofrendo através de blogs e matérias de internet. “Ficou claro que há uma ação coordenada para me ofender moralmente e desestabilizar a administração da pasta”.
Em entrevista exclusiva ao Portal Terra das Cachoeiras nesta terça-feira (07/11), o seu último dia no comando da Secretaria Municipal de Turismo, ALEXANDRE LINS foi franco e objetivo ao explicar porque pediu exoneração em caráter irrevogável do cargo que ocupava há dez meses: comunicou a decisão pessoalmente e enviou ofício-carta no qual expôs de forma detalhada as razões para não querer mais continuar na função.
“Em absoluto não foi por razões pessoais. Saio porque não me senti em condições de continuar sendo ofendido moralmente sem poder me defender das perseguições políticas que venho sofrendo e para enfrentar as acusações de assédio moral e ameaça que me imputam sem provas, após as chantagens que sofri”, comenta.
Em sua Carta de exoneração afirmou que: ”Deixo essa equipe vencedora com a consciência tranquila, de que minha postura é reta e proba, e, tenho minha vida como um livro aberto, tenho uma filha e uma família que preservo, e quero deixar Vossa Excelência e a equipe de governo livres, para que todas as questões que se lançam sobre minha administração e minha vida pessoal sejam discutidas em foro próprio, para o bem do nosso Município”.
Afirmou ainda que está se reunindo com seus advogados, para começar a organizar as provas que possui e tomar as medidas judiciais que o caso requer.
Disse ainda que se sente agradecido com a equipe sempre fiel que o acompanhou na Secretaria, e pela solidariedade que recebeu dos demais secretários e servidores, afirmando que sem a cooperação destas pessoas nenhum resultado seria possível diante do caos que se encontrava a pasta de Turismo e Comércio, após os 12 anos de abandono que se seguiram nas administrações passadas.